O leilão solidário da Associação dos Usuários da Estrada do Matão aconteceu neste sábado no Tatersal de  Leilões do Sindicato Rural de Pontes e Lacerda.

Com almoço, muitas prendas e gado de alta qualidade, mais de uma centena de pessoas participaram do evento. O ponto alto foi a confraternização e o ambiente familiar do leilão. Era comum ver o produtor rural dando lances e arrematando gado enquanto a esposa direcionava a atenção para o bazar com centenas de prendas e uma barraca dedicada para doces caseiros e plantas ornamentais.

O leilão ficou a cargo da Soma Leilões liderada por Túlio Roncale e comercializou 72 lotes com 363 animais, entre machos e fêmeas e arrecadou R$ 436.880,00.

Considerando as demais doações e venda de “prendas” e material de divulgação (camisetas, chapéus, etc), a arrecadação total pode chegar próximo a quinhentos mil reais.

Do começo ao fim, o sorriso dos participantes e da diretoria da Associação deu a tônica do Leilão. “Um ambiente alegre e descontraído onde a solidariedade e a união dos produtores rurais foi a causa do sucesso do leilão”, disse o presidente da Câmara Maxsuel Guimarães.

Um produtor enfatizou que “todos estavam alí em favor de causa nobre, que é a melhoria da estrada do Matão”. Outro empresário ficou sabendo e antecipou que “uma grande contribuição foi do Sr. Oscalino que deu um cheque de R$ 10 mil para a Associação. Esse baiano vale ouro!”. Vários proprietários rurais doaram de uma até dez cabeças de gado para o leilão.

Ao final o presidente da Associação agradeceu o empenho de todos e garantiu que “durante a semana devemos informar o valor total arrecadado, mas garantimos que superou nossas expectativas. Obrigado a todos”.

O ex-presidente Luciano Barbosa também demonstrou toda sua alegria dizendo que ” a união de todos faz toda a diferença. Com certeza teremos melhoria em nossa estrada. Ganhei meu dia”.

Outro ex-presidente, Dito Braga, foi enfático; “todos unidos,  sucesso garantido”.

Para que serve o dinheiro do Leilão

Os recursos arrecadados serão destinados à elaboração do projeto executivo da pavimentação de parte da estrada que está sendo administrada pela Associação, através de convênio com o Governo do Estado.