O deputado Wancley Carvalho foi convidado pelos moradores do Residencial Glória para explicar o processo de asfaltamento no Bairro. Eles cobram celeridade e expõem a afirmação do prefeito Alcino que teria dito à Associação que só fará o asfalto se a população pagar.

A reunião aconteceu na última sexta-feira (19.05) e contou com a presença de vários moradores insatisfeitos com a situação do Bairro. Eles pedem a pavimentação asfáltica que já recebeu emenda de aproximadamente 540 mil reais para ser desenvolvida, mas aguarda a contrapartida da Prefeitura de Pontes e Lacerda.

(Da esquerda para a direita) Gilmar Carvalho – presidente do bairro e Wancley Carvalho – deputado

De acordo com a Associação de moradores do Bairro, o prefeito já garantiu que só fará o asfalto se a população pagar, haja vista que a prefeitura não tem condições financeiras de entrar com o valor de cerca de 340 mil reais da contrapartida. “Eu tive uma conversa com prefeito há poucos dias e ele me desanimou bastante dizendo que a população tem que pagar essa contrapartida, e aqui a população não tem condições.” disse o presidente do Bairro, Gilmar Carvalho.

Durante o encontro, Wancley explicou qual a situação do processo de asfaltamento. Ele disse que a parte dele já foi efetuada e agora só depende da prefeitura. “A minha função é destinar o recurso,[…] todos os outros passos agora é com a prefeitura de Pontes e Lacerda. […] A gente enquanto deputado trás o recurso e é obrigatório a prefeitura entrar com a contrapartida para que possa executar a obra.”