Um grave acidente ocorreu no sábado à noite (27/04), na estrada conhecida como “Incra Velho”, provocado pela grande quantidade de poeira, que impediu que a motorista de um Gol prata visualizasse uma ponte, vindo a cair no Córrego Barreirinho. O veículo estava conduzindo cinco pessoas da mesma família, dentre elas duas crianças. A mãe da motorista não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.

O local já foi protagonista de outros acidentes, pois há uma curva fechada antes da ponte e com sinalização deficiente.

A família estava retornando de uma confraternização em uma fazenda próxima do local do acidente.

O Corpo de Bombeiros foi acionado logo que o acidente aconteceu, por volta das 21 horas. Ao chegarem, com quatro viaturas, encontram as vitima às margens do córrego.  “Assim que recebemos o chamado deslocamos as nossas viaturas. De início as informações relatavam que uma pessoa estava presa às ferragens. A vítima em estado mais grave estava fora da água, então fizemos todo o procedimento e a conduzimos ao Hospital. Durante o percurso fizemos massagem cardíaca e a entregamos aos profissionais da Santa Casa”, destacou o Capitão Maia, comandante do Corpo de Bombeiros.

No Gol prata estavam I.A.G. de 6 anos, N.A. de 12 anos,  V.F. A, 31 anos,  V.F. A de 28 anos e Maria Vanderleia Fagundes de 48 anos, que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no hospital. Os envolvidos são todos da mesma família.
Segundo informações obtidas no local, repassadas a policia e aos bombeiros, a motorista V.F.A  fez de tudo para retirar as pessoas de dentro do veiculo que ficou submerso, com as rodas para cima.