O Centro de Detenção Provisória, localizado na região oeste de Mato Grosso, cerca de 15 km da Cidade de Pontes e Lacerda, abriga atualmente mais de 200 detentos. E no ano de 2017 desde quando assumiu a diretoria do CDP, Nelson Ortega realiza projetos para dar chances de ressocialização por meio do trabalho e projetos sociais.

Os presos trabalham com horta, marcenaria, artesanato, curso de pedreiro e projeto educacional através da escola “Nova Chance”. Além deles apreenderem uma profissão o trabalho ainda permite a redução da pena. Em pouco tempo, o projeto que leva o nome “Reinicio” já apresenta bons resultados, já que o índice de reincidência entre detentos que participam dessas atividades é considerado baixo.

Na tarde desta quarta-feira(29) foi realizada uma solenidade para apresentar os números de projetos e parcerias firmadas com Pontes e Lacerda, através das entidades e clubes de serviços. O evento contou com a presença de representantes da Assistência Social, Policia Rodoviária Federal, Conselho Comunitário de Segurança Pública(CONSEG), vereador Masxuel Guimarães e familiares dos reeducandos.

O objetivo do projeto é oferecer para o reeducando oportunidades para ele escolher quando ganhar a liberdade, podendo mostrar o seu valor para sociedade. “Não importa o tempo que estamos a frente do projeto, estamos colhendo muitos frutos através das parcerias que firmamos para desenvolver os trabalhos em vários seguimentos. A implantação da escola foi a primeira ideia, e através dessa porta abrimos outras para oportunizar os reeducandos. Agora o próximo passo é buscar o curso superior, que já é realidade na capital Cuiabá”.  Destacou o Diretor do CDP Nelson Ortega.

Luana Bornaghi é educadora física e faz parte do projeto “Reinicio”, para ela é motivo de orgulho participar do programa, e destaca que de fato está fazendo a ressocialização do reeducando. “Antigamente era só no papel esse tipo de ideia, hoje o CDP de Pontes e Lacerda, é um modelo para o estado de Mato Grosso. Mesmo sem logística para desenvolver todos projetos ao mesmo tempo, mas na medida do possível está sendo feita a inclusão em todas as áreas”. Enfatizou

Credibilidade, essa foi a colocação do vereador Masxuel Guimarães, destacando o trabalho do Diretor Nelson Ortega. “Hoje o desenvolvimento com os detentos é público e notório, através dessas ações eles estão aprendendo a dar valor na família e na busca pelo conhecimento. Saindo dessa unidade prisional eles estarão prontos para começar uma nova vida”. Ressaltou o parlamentar.