Mesmo com dificuldades, a 8ª Cia do Corpo de Bombeiros Militar continuará as buscas pelas crianças, vítimas de afogamento no Rio Guaporé, em Vila Bela da Santíssima Trindade. Uma equipe de mergulho da cidade de Cáceres participará da ação.

Os últimos dias têm sido de grande apreensão e tristeza para os familiares das crianças e moradores de Vila Bela. Desde a última segunda-feira (27/02), os guerreiros do corpo de bombeiros se empenham na missão de encontrar os pequenos que sofreram um trágico acidente.

Ainda assim, algumas pessoas questionam as técnicas utilizadas nas buscas. Certos equipamentos são usados para realizar a ação, até mesmo pedras. Para que o soldado consiga alcançar a profundidade ideal para o mergulho, objetos pesados são bastante uteis. 

Segundo a 8ª Cia, além de o rio estar bastante cheio, a água é turva e bifurcações se formam nas proximidades da ponte, dificultando os trabalhos. 

Um equipe de militares de Cáceres dará auxilio nas buscas e deve chegar ainda hoje em Pontes e Lacerda. Amanhã, pela manhã, já se deslocarão para a região acidente e retomarão a ação.

O Corpo de Bombeiros esclarece algumas denúncias relacionadas ao trabalho realizado na cidade de Vila Bela de que foi solicitado o custeio do abastecimentos dos equipamentos utilizados para o salvamento. O militar, Farias, do 8ª CIBM de Pontes e Lacerda, informou a denúncia não procede e que há um posto credenciado pelo estado para atender a guarnição a qualquer momento. 

Entenda o caso

Na tarde desta segunda-feira (27/02) a Polícia Judiciária Civil de Vila Bela da Santíssima Trindade registrou o afogamento de duas crianças. Segundo informações, elas estavam pescando na beira do Rio Guaporé quando a fatalidade aconteceu.

De acordo com a polícia, as crianças, entre 10 e 12 anos, estavam pescando beira rio, debaixo da ponte, quando uma escorregou no barranco e caiu na água. Em seguida a outra tentou ajudar, mas já era tarde. Ambas sumiram.

Como o rio está cheio, fortes correntezas se formaram, fato que leva a crer que as crianças foram arrastadas com facilidade. 

A Polícia Civil de Vila Bela e o Corpo de Bombeiros de Pontes e Lacerda estiveram no local. As buscas foram encerradas por hoje, mas serão retomadas no inicio da manhã desta terça-feira.