Pelos comentários postados nas mídias sociais o prefeito de Pontes e Lacerda decidiu “esquecer” cedo  as promessas da campanha eleitoral.

Leia o texto que está circulando, com algumas correções gramaticais:

“Alcino Barcelos* começa a fazer leilão  de cargos ao contrário  do que falava na campanha, ou seja, *MENTIU*.

*Fabiana do felizidade* indicada pela *vereadora Natalicia*

*Cleber* coordenador das ambulâncias indicado pelo *Vereador Juninho*

*Poliana* do Sine indicada pelo  *Vereador Cleber Sella*

*Mika* está numa empresa de manutenção de pontes indicada pela *Vereadora Natalícia*

*Uéliton Baby* era chefe de gabinete do *Vereador Pedro*. Vai ser coordenador da secretaria de Meio ambiente.

Atacou os adversários acusando-os de rabo preso com partidos, que não coligou para fazer da prefeitura cabide empregos e agora já tem mais contratados que a última gestão e anda comprando o legislativo com cargos.. por isso ele usa e abusa dos nobres e ineficazes vereadores”.

Curiosamente, o vereador Maxsuel Guimarães denunciou essas coincidências em discurso na sessão da última segunda-feira, inclusive sobre o número de servidores contratados sem concurso, que supera em muito as administrações de Newton Miotto e Donizete Barbosa.

E ainda nem completou seis meses de mandato.