O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio do procurador-geral de Justiça, Mauro Curvo, assinou na manhã da última sexta-feira, na sede da Procuradoria Geral de Justiça protocolo de intenções para criação de um consórcio de saúde, com a finalidade específica de comprar e distribuir medicamentos para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Também assinaram o documento, os presidentes da Associação Mato-Grossense dos Municípios, da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, do Tribunal de Contas do Estado, Secretaria de Estado de Saúde e Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de MT.

Por meio do consórcio, que fará uma espécie de compra coletiva, a expectativa é conseguir uma economia de até 70% na aquisição de medicamentos e insumos de saúde.

Caberá as partes envolvidas integrar ações para a articulação, organização e operacionalização de consórcio e apoiar e incentivar a adesão dos 141 municípios de Mato Grosso ao consórcio.

O secretário de Estado de Saúde, Luiz Antônio Vitório Soares, caracterizou a iniciativa como uma gestão de várias mãos que, além de garantir preços baixos, irá de forma dinâmica distribuir os medicamentos a todos os municípios.

Fonte: Enéas Jacobina/MT Via Radio