A Polícia Judiciária Civil de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste), em ação conjunta com a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, cumpriu, nesta segunda-feira (03.07), mandado de prisão preventiva contra um homem acusado de estupro de vulnerável, praticado contra a própria filha, que estava foragido há 4 anos.

O suspeito A. F. L., 48, é acusado de abusar e estuprar a filha, desde os 09  anos de idade. A garota que na ocasião da denúncia, em 2013, já estava com 17 anos, engravidou do pai e teve uma filha.

Segundo as informações levantadas pelos policiais de Pontes e Lacerda, a  conduta do acusado se deu em várias cidades de Mato Grosso do Sul e a denúncia foi feita no município de Rio Verde de Mato Grosso (MS), pela adolescente, que procurou o Conselho Tutelar, depois que engravidou do pai.

Depois de denunciado, o suspeito veio para Mato Grosso, indo morar em Pontes e Lacerda, onde seus pais vivem. Na cidade trabalhava de picolézeiro.

Conforme a Delegacia de Pontes e Lacerda, recentemente a unidade recebeu uma carta precatória de Mato Grosso Sul dando conta que o suspeito estaria residindo na localidade, pedindo a colaboração dos policiais para localização do foragido.

Os policiais iniciaram pesquisa, descobrindo que os pais do suspeito morava em Pontes e Lacerda, mas sua prisão se deu em outro endereço, descoberto nas diligências da equipe do Núcleo de Inteligência, que deu cumprimento ao mandado.  

 

Fonte: Assessoria – PJC MT