Na noite desta quarta-feira (22/05), foi registrado uma tentativa de estupro. O fato aconteceu por volta das 21h00min, na av. Florespina Azambuja nº 2139.

A vítima identificada como E. C. P., estava em casa assistindo televisão quando alguém bateu em sua porta, achando que era o sobrinho, pois estava esperado por ele, abriu a porta. Ela se deparou com uma pessoa que estava com o rosto coberto.

De acordo com informações, o suspeito estava com uma faca e um litro de Velho Barreiro, ele pegou a vítima pelo pescoço e a empurrou para dentro de casa. Exigiu que ela tirasse a roupa e bebesse junto com ele. Assustada, tirou a roupa, porém se recusou a beber. O mesmo ameaçou-a dizendo que já havia matado uma pessoa e que poderia a matar também.

Por um vacilo do criminoso, a vítima conseguiu arrancar a faca da mão dele porém ele a pressionou contra a parede apertando o pescoço, momento em que a E. C. P., começou a gritar por socorro. O suspeito a soltou e saiu correndo rumo ignorado.

Segundo informações, uma testemunha disse reconhecer a faca usada pelo criminoso, disse também que possivelmente o agressor é o colega de trabalho, identificado como J. P. L. F., ambos são funcionários de uma empresa de construção.

Criminoso confessa crime e se entrega

Por volta das 03h30min do dia 23/05, a Polícia Militar recebeu uma ligação do suspeito de estupro, J. P. L. F., dizendo que estava na BR 174, próximo a Polícia Rodoviária Federal.  O mesmo disse que queria se entregar.

De imediato a Guarnição da PM se deslocou até o local para realizar a detenção do suspeito. Ele encontra-se com vários arranhões e pelo corpo devido as tentativas de fugas para escapar do flagrante.

Segundo informações, a motivação do crime foi o álcool.

Diante dos fatos foi registrado o B.O e encaminhado ao CISC para as devidas providencias que o caso requer.