Polícia Judiciária Civil na sexta-feira (08/06), prendeu um suspeito de iniciais E.A.S.S, 22 anos, que era investigado pelo crime de estupro de vulnerável contra uma criança de 12 anos. A vítima é filha da ex-companheira do suspeito. Ao descobrir os fatos a mãe procurou a Delegacia de Polícia Civil  de Pontes e Lacerda, para fazer a denúncia no dia 17 de abril deste ano.

Conforme relato da mãe da menina, após romper o relacionamento com o suspeito e na tentativa de reatar a relação, o indivíduo passou a ser amigo dos filhos dela, levando a menor sempre para passear na cidade.

Após a mãe assumir um novo relacionamento, começou a evitar que o suspeito visitasse seus filhos, mas descobriu que estava mantendo contato com sua filha de 12 anos por telefone, e ainda possuía fotos da criança sem roupa em seu aparelho celular. Em conversa, a menor contou ter enviado as fotos a pedido do ex-padrasto, bem como recebeu fotos do seu órgão genital.

Com base nas informações os policiais civis e começaram a investigar o caso. Com indícios e provas do crime E.A.S.S teve o mandado de prisão preventiva solicitada pela Polícia Civil.