Na tarde desta quinta-feira (22/02), uma idosa registrou um boletim de ocorrências na Delegacia de Polícia Civil em Pontes e Lacerda, após passar por uma tentativa de golpe. O fato aconteceu em uma empresa conhecida nacionalmente por fazer empréstimos para aposentados e pensionistas. 

De acordo com a aposentada, Maria Vieira Neto, os tramites para receber o empréstimo já duravam quase um mês. Ela fez um acerto com a empresa solicitando uma quantia pouco maior que R$1.000,00 reais. Daí por diante, só recebeu em pequenos depósitos, mas não tinha recebido o valor total do combinado.

Desconfiada ela foi até uma agencia bancaria e pediu ajuda a uma atendente, que informou que o saldo na conta era mais do que o valor esperado. Minutos depois ela recebeu uma ligação de uma funcionária da empresa de crédito, perguntando se a transação tinha sido feita. A senhora Maria respondeu a pergunta da mulher, mas continuou preocupada, pois o valor que ela receberia não era aquele. Foi então que a representante informou que tinha emprestado a conta da idosa para uma pessoa depositar determinado valor. Indignada com a ação, a vítima exclamou que não tinha autorizado a transação. Sem saída a mulher apenas disse que o que estava feito, estava feito. Ainda assim a vítima não caiu na cilada, retornou a agencia e confirmou através do comprovante que a quantia  havia sido depositada de uma vez só, em um único horário e não havia nenhuma outra tramitação. 

Em entrevista, ela informou a nossa equipe de reportagens, de que o valor que havia sido autorizado pela empresa de crédito, era bem mais do que o combinado e a mulher tentou engana-la, dizendo que era só a metade. Assim ela ficaria com a quantia. De imediato, Maria foi até a delegacia e registrou uma boletim de ocorrência.