Policiais do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) abriram fogo contra uma caminhonete Hilux na tarde de ontem (19), em Porto Esperidião, cerca de 122km de Pontes e Lacerda, na BR-174. Com os pneus furados pelos disparos, o veículo acabou apreendido.

De acordo com o Gefron, os policiais receberam a informação de que a caminhonete seria produto de roubo, ocorrido em Fernandópolis (SP). Em razão disso, os policiais tentaram impedir que o automóvel seguisse viagem, enquanto trafegava em frente à base do grupo, por volta das 12h40.

As informações iniciais obtidas pelo Gefron apontavam que havia dois homens na Hilux. Eles estariam tentando ir para a Bolívia, onde venderiam o automóvel para comprar entorpecentes. Os membros do Gefron teriam tentado interceptar o automóvel e chegaram a realizar uma barreira, porém o ladrão não parou. Então os policiais começaram a disparar contra o automóvel.

Os disparos atingiram dois pneus, o que teria feito com que a Hilux parasse cem metros à frente da base do Gefron. Conforme os policiais, logo após o veículo parar, os dois teriam fugido para uma região de mata, às margens da rodovia. Os homens ainda não foram localizados.

O Gefron informou que continua realizando buscas pelos suspeitos que estavam no automóvel.

O trânsito na BR-174 chegou a ficar interditado logo após o carro ser abandonado no meio da pista. Horas depois o tráfego foi retomado normalmente.

Fonte: Cáceres Notícias