Thursday, Apr. 25, 2019

Carregando ...

Morador reclama de falta de ação ao prefeito Alcino, que manda procurar o ex-prefeito Miotto

Escrito por:

|

22 de março de 2019 às

16:41

|

Postado em:

Morador reclama de falta de ação ao prefeito Alcino, que manda procurar o ex-prefeito Miotto

Parece que o excesso de recursos que o prefeito Alcino Barcellos tem para administrar (R$ 115 milhões de orçamento para 2019 mais R$ 10 milhões de economia em 2017 e 2018 e liberdade para remanejar verbas no orçamento cedidas gentilmente pela Câmara de Vereadores) pode ter deixado o Prefeito com o humor estragado. Ou as denúncias que estão chegando ao Ministério Público tem afetado a sensibilidade do representante do Executivo Municipal.

A discussão ocorreu durante uma visita na ponte da Av. Municipal, no final do ano passado. O morador, que era o guarda da empresa que executava a obra, cobrou a intervenção do prefeito na Rua José Alves Ferreira, próximo à nascente do Córrego Buriti, que não tem a travessia.

O diálogo entre o político e o cidadão girou em torno do sentimento deste quando a falta de obras estruturais da atual gestão. O morador criticou a administração do ex-prefeito Donizete e a atual, dizendo que nada de novo estava acontecendo em Pontes e Lacerda nesses dois últimos mandatos.

Alcino Barcellos não perdeu tempo e “fuzilou”: “Não está contente? Vai procurar o Miotto!”.

Print Friendly, PDF & Email

Artigos relacionados

Parte de casarão histórico de Vila Bela da Santíssima Trindade, cai após fortes chuvas
Hospital Vale do Guaporé pode fechar as portas na próxima segunda feira por falta de repasse
Com a chegada da aviação Pontes e Lacerda terá um futuro promissor

(1) Reader Comment

  1. Paulo Ferreira
    25 de março de 2019 at 10:13

    Alcino mandou procurar o Nilton Miotto, porque ele sabe que o Miotto foi um administrador muito competente, ao contrário do atual prefeito. Pontes e Lacerda hoje sente falta do Miotto, Donizete, e até do Miura... A que situação chegamos...

Deixe um comentário sobre isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*