Os moradores do Residencial Glória realizaram uma reunião na noite desta terça-feira (18.07) para cobrarem a pavimentação asfáltica do Bairro, ou uma solução para amenizar a poeira. Eles aguardavam a presença do Prefeito Alcino para explicar os motivos da obra ainda não ter iniciado.

Segundo os moradores, a poeira tem gerado problema de saúde em algumas pessoas, principalmente crianças e idosos. Eles contaram que a presença do Prefeito era importante para que pudessem saber o que está acontecendo, já que uma emenda parlamentar foi destinada pelo deputado Wancley Carvalho, mas até agora não houve o início da obra.

Um dos moradores, Emerson Oliveira, explicou que “o prefeito esteve lá pedindo voto, a população acreditou e votou, e hoje a gente não está vendo o apoio que era esperado.” Ele também contou que há conversas de que a quantidade de ruas asfaltadas deve ser menor do que o projeto inicial, mas eles querem saber de forma oficial. “Queremos ouvir da boca dele [prefeito].”

Outro morador, Raimundo Paiva, cobrou mais atenção do poder público para os bairros Residencial Glória e Vera. “Poeira, doença, crianças e velhos doentes, morrendo. Vão num posto de saúde e não tem um comprimido.”

Dois parlamentares participaram da reunião, Anderson Barbosa e Maxsuel Guimarães. “O que nós queremos é que o senhor prefeito acelere o processo mais breve possível para que o asfalto saia já, ainda este ano para o residencial Glória.” disse Anderson Barbosa.

Já Maxsuel Guimarães fez um alerta para os moradores e também para o executivo municipal sobre a possibilidade de perca do recurso destinado pelo deputado Wancley. “Se até dezembro essa emenda não virar convênio, o município perde.”

O prefeito não participou da reunião e nem mandou representante.