Mesmo sabendo que a Santa Casa está com o atendimento cada vez mais precário por falta e recursos do Governo do Estado e da Prefeitura de Pontes e Lacerda, vários pacientes estão insatisfeitos com os médicos que atendem em alguns ESF’s.

Como alternativa, quando necessitam de serviços médicos esses pacientes aguardam até depois das 17 horas – horário de fechamento dos Postos de Saúde – e se dirigem até à Santa Casa para serem atendidos, sobrecarregando o serviço de Pronto Atendimento daquele Hospital.