Índios voltam a cobrar pedágio na BR 364, próximo à cidade de Comodoro, cerca de 200 km de Pontes e Lacerda. Eles entraram em acordo com a PRF, mas não cumpriram e continuam extorquindo os motoristas.

Eles estão entre as cidades de Comodoro e Campos de Júlio, e o valor do pedágio chega a R$ 30 reais, por cada veiculo.  Segundo informações os índios da tribo NHAMBIQWARA, estão agindo com violência, vídeos que circulam nas redes sociais os mostram roubando objetos dos carreteiros, eles agem quando o carreteiro esta parado, efetuando o pagamento do pedágio.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal de Pontes e Lacerda, estão desde o dia 22 do mês passado negociando com os indígenas, mas eles não cumprem o acordo, e quando a policia sai eles voltam a bloquear a rodovia.

Segundo informações, os caminhoneiros querem bloquear a rodovia antes do local que os índios estão, “Existe esse boato, eles estão querendo bloquear antes do local onde eles estão, e assim evitar a passagem de veículos”. Se isso acontecer, não vai ter como seguir viajem. A negociação continua e a PRF esta tentando tira-los de forma pacifica, Destacou o inspetor Antonio da sétima delegacia de PRF em Pontes e Lacerda.

A dica da PRF é ter muita calma e não tentar afrontar os manifestantes, que estão armados com arco e flechas.