A Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso, por meio da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, deflagrou durante os dias 21 e 23 de abril a operação Tiradentes. Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, é o patrono do militarismo no país e deu origem ao nome da operação.

As ações do Corpo de Bombeiros giraram em torno da fiscalização de alvarás e durante o período foram realizadas 19 vistorias técnicas em diversos segmentos de edificações. Destas, sete tiveram os alvarás cassados. “O prazo previsto em Lei é de 30 dias para essas pessoas que não cumpriram os requisitos legais.” explicou o comandante local do Corpo de Bombeiros, Capitão Wallenstein Maia.

Já a Polícia Militar teve as fiscalizações relacionadas ao trânsito mais rigorosas e reforçou o policiamento por toda região. Só em Pontes e Lacerda foram registradas 336 abordagens, 12 ocorrências atendidas, 8 pessoas encaminhadas à delegacia, 1 arma de fogo apreendida, 2 veículos apreendidos e 12 multas de trânsito.

“As abordagens foram feitas tanto na cidade quanto no meio rural, inclusive na cidade de Rondolândia, os policiais conseguiram apreender três armas de fogo, em três abordagens diferentes. […] o resultado foi uma prevenção e isso faz com que a população fique mais segura.” reforça a importância destas ações o comandante regional da PM, Tenente Coronel José Chaves.

Veja os números relacionados da PM na regional de Pontes e Lacerda:

Município Abordagens Ocorrências atendidas Pessoas detidas Armas apreendidas Veículos apreendidos Multa de trânsito
Pontes e Lacerda 336 12 8 1 2 12
Campos de Júlio 119 1 0 0 0 2
Comodoro 115 3 3 0 3 7
Conquista 71 0 0 0 1 1
Figueirópolis 80 0 0 0 0 2
Jauru 128 1 0 0 2 5
Nova Lacerda 77 4 0 0 0 0
Rondolândia 90 2 2 2 0 0
Vale de São Domingos 57 0 0 0 0 0
Vila Bela 96 2 1 0 1 3
Total 1169 25 14 3 9 32