Um jovem acusado de matar um colega de trabalho no município de Comodoro (644 km a Oeste), foi preso pela Polícia Judiciária Civil na quinta-feira (03.08) logo após cometer o crime. O suspeito, de 24 anos, foi autuado em flagrante delito por homicídio.

O crime ocorreu na zona rural de Comodoro, na Fazenda Porteira Branca, onde João Bosco da Silva, 56, foi morto após ser atingido por quatro disparos de arma de fogo.

O suspeito e a vítima eram funcionários de uma empresa de vigilância responsável pela guarda de uma área particular.

Conforme apurado, o suspeito ficou transtornado após ser motivo de “chacota” por parte de João Bosco.

Irritado com o colega, o mesmo usando a arma de fogo da empresa de trabalho, efetuou cinco disparos contra João Bosco, que foi atingido por quatro tiros na região da cabeça e do tórax.

Imediatamente a Polícia Civil foi acionada, e logo em seguida Hilton foi preso em flagrante pelos investigadores na sede a empresa de segurança, onde não ofereceu resistência e assumiu a autoria do crime.

As investigações continuam para apurar a verdadeira motivação do crime.

 

.

.

Fonte: Assessoria|PJC-MT