A prefeitura de Pontes e Lacerda tem disponível mais de R$ 400 mil, numa iniciativa do ex-prefeito Donizete Barbosa, para a aplicação de lama asfáltica na região central  da cidade, à exceção das avenidas Marechal Rondon, Municipal e Bom Jesus.

Os recursos estão na conta do município desde julho de 2016. O então prefeito Donizete Barbosa ficou impedido de realizar a obra à época devido ao calendário eleitoral. Findo esse prazo, começou a transição de governo e entramos 2017 sem que os serviços sejam sequer sinalizados quando irão iniciar.

Para acelerar os trabalhos, a pedido do deputado Wancley, o governo do Estado colocou à disposição um caminhão próprio para os serviços, que está parado no pátio da Secretaria de Infra-estrutura há mais de seis meses. O veículo está pronto e revisado. O município de Conquista d’Oeste está pressionando o governo para que o caminhão seja transferido para lá.

A licitação foi realizada no dia 08 de dezembro, restando vencedora a empresa Pedreira Serrana, para fornecer todo o material.

A obra está a cargo do município.

Só falta o prefeito dar a Ordem de Serviço.

Quanto mais demorar, os buracos e defeitos da pavimentação aumentam, elevando o custo da obra.

Pelo menos alguém está ganhando com essa demora. As oficinas e borracharias.