O governador Mauro Mendes afirmou em entrevista acreditar que Pontes e Lacerda pode se tornar um Polo em serviços de saúde levando em consideração o crescimento da região. A declaração foi feita na tarde desta quinta-feira (26) durante uma entrevista ao vivo ao Podcast Visão da Tv Centro Oeste.

Quando questionado pelo apresentador Eridson Vieira sobre a regionalização do hospital, Mendes foi categórico em afirmar que “odeia político que promete só para ganhar voto”.

Em justificativa ele apresentou as construções atuais de hospitais regionais em Tangará da Serra, Juína, Alta Floresta e Araguaia. Segundo ele, primeiro é lançar as obras, avançar e terminar.

O governador não fez menção se tem conhecimento da crise financeira e estrutural do hospital Vale do Guaporé. Ele alimentou a esperança da população em dizer que “com o tempo vamos abrindo novas unidades”.

“A pouco tempo o Governo do estado chegou a atrasar 11 meses o repassa para os municípios. No nosso mandato pagamos literalmente todos os meses. Acabou as greves pois faltava médicos, remédios, então já melhorou muita coisa”, lembrou Mendes.

Enquanto o governo decide ou não regionalizar o hospital, uma ação popular criou o movimento prol Santa Casa que busca chamar a atenção do poder público para melhorar o atendimento à população.