Todo ano é assim, quando chega o período de matriculas nas creches da rede municipal em Pontes e Lacerda, pais reclamam de dificuldades para obter vagas, são filas enormes, pessoas chegam a passar mais de 10 horas na fila para conseguir uma vaga, e as vezes todos esse esforço não garante a inserção do filho na creche.

Os pais afirmam que não há vagas suficientes para as crianças na rede pública de ensino. No período de inscrição mães e pais gravam vídeos mostrando o que eles passam para lutar pela educação dos filhos.

Em conversa hoje pela manhã por telefone com o Secretário de Educação Alan Oliveira, ele informou que para este ano será adotado um novo sistema de vagas, aqueles que já se cadastraram o ano passado e fazem parte da fila espera, terão prioridades. Já existe um cadastro com o nome das pessoas que passaram por essa triagem, e a partir da semana que vem vão poder procurar as unidades da pré-escola em Pontes e Lacerda para fazer as inscrições.

Este ano duas creches que estava com as obras paralisadas retomaram os trabalhos, o objetivo é concluir todo o processo e entregar até o primeiro semestre do ano que vem, abrindo centenas de novas vagas.